MERCEARIA SILVA

MERCEARIA SILVA
ECONOMIZANDO COM VOCÊ

ASSINA JÁ "NEW NET"

ASSINA JÁ "NEW NET"
SUA INTERNET NA VELOCIDADE DA LUZ

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

CARTA DE REPÚDIO: DO ADVOGADO DE TIMBIRAS CONTRA O BANCO DO BRASIL DA CIDADE

Boa tarde a todos e a todas.


Carta de Repúdio. 
  
Drº Ayriston Ricardo popular Galego
Boa tarde a todos e todas, Venho aqui manifestar meu repúdio a forma como são tratados alguns clientes do Banco do Brasil S.A.

Hoje, estava acompanhando uma cliente que foi ativar uma conta corrente pra sua genitora, na agência do Banco do Brasil de Timbiras, fomos informados que precisaríamos de alguns documentos, tais como: documentos de identificação, procuração com poderes para abertura de conta, extrato previdenciário, dentre outros.

Pois bem, retornamos a agência munidos de tais documentos, fomos à agência, onde em um primeiro momento, o senhor Ismael nos atendeu com total respeito, quando indagado sobre a realização do serviço que pretendíamos realizar, respondeu que, “poderia fazer o serviço, bastando apenas que tivéssemos tais documentos, anteriormente informados e por oportuno, aguardasse-mos a senha que tínhamos para atendimento ser chamada.

Ocorre que, antes da senha percebi a falta de um dos documentos, destarte, sai da agência, e ao retornar com o documento, não me deixaram entrar, com a alegação de encerramento do expediente forense, no entanto minha cliente que estava dentro da agência, permaneceu, aguardando sua senha ser chamada.

Pois bem, minha cliente foi atendida por a Sra. Ana Gilda, natural desta pequena localidade (Timbiras), e por ser nata do local, conhece a maioria da população, inclusive este que subscreve, todavia, ao contrário do que nos passou o atendente anterior (Sr. Ismael), a Sra. Ana Gilda, recusou o atendimento, sem fundamentando a recusa, informando que o banco não fazia tal serviço, pois a genitora da minha cliente teria mais de 80 anos.

Assistindo a movimentação pelo lado de fora, solicitei ao guarda Raimundo para saber entender a divergia no atendimento, entretanto, a Sra. Ana Gilda, disse que, “não poderia mais atender devido o horário ter sido encerrado”. Questionei com o guarda, posto que, minha cliente estava desde às 11 horas da manhã aguardado atendimento, e portanto, deveria ser atendida.

Para minha surpresa, antes de sair da agência, um conhecido comerciante de Timbiras, chegou a agência e entrou normalmente, como se pra ele, o expediente estivesse normal, o que nos deixou ainda mais indignados, com a notória distinção dos clientes por seu saldo bancário.

A Sra. Ana Gilda, após perceber o incidente, nos disse que iria falar conosco lá fora quando terminasse de atender um cliente, aguardamos pacientemente do lado de fora, entretanto, para expansão de minha frustração e aguaria, mandou novamente o guarda dizer para mim e minha cliente, que, “simplesmente, não nos atenderia mais”.

Com o devido respeito que devemos ter a todos as pessoas, questiono, até quando amigos e amigas de Timbiras, vamos suportar essa situação de diferenciação nos clientes desse Banco???

Alguns funcionários do Banco do Brasil, não tem o mínimo respeito aos seus clientes, onde tal desrespeito, começa desde o início do atendimento interno as 9h da manhã.

Além do que, o expediente forense da agência é de apenas 3 horas, ou seja, inicia as 9h e encerra às 12h, além de longas filas nos atendimentos, os caixa eletrônico nunca tem dinheiro, principalmente aos finais de semana, há ainda reclamações da forma com que o gerente atende a população, sempre de forma rude e grosseira.

Portanto, deixo aqui minha indignação, e minha manifestação de repúdio à tais atitudes. Digo mais, procurarei de todas as formas, os órgãos competentes para que tais atitudes sejam coibidas, tais como procon, MP, OAB, Ouvidoria do Banco do Brasil e onde mais se fizer necessário.    

Não podemos mais conviver com esse total desrespeito ao consumidor e a nossa população.                            

Ayriston Ricardo.                      OAB /PI16.279

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.