MERCEARIA SILVA

MERCEARIA SILVA
PUBLICIDADE

OIFEODONTO 1 ANO

OIFEODONTO 1 ANO
CHOPERIA RAMON TUDO DE BOM

domingo, 27 de novembro de 2016

Governo do Estado participa do Xl Fórum Internacional de Desenvolvimento Territorial em Fortaleza- CE

Fortaleza, a capital cearense, recebeu, do dia 22 até o dia 25 de novembro, o Xl Fórum Internacional de Desenvolvimento Territorial, com o tema “Intercâmbio de inovações em políticas públicas e práticas de desenvolvimento rural sustentável em zonas semiáridas e de transição da América Latina”. O governo do Estado que apoia ações como essa, foi representado pelo secretário de Estado da Agricultura Familiar (SAF), Adelmo Soares, que durante o evento apresentou uma política pública que tem como objetivo principal promover a superação da extrema pobreza e das desigualdades sociais no meio urbano e rural, por meio de estratégias de desenvolvimento territorial sustentável, o Programa Mais IDH.

Com representantes do México, Colômbia e de diversos estados do Brasil, o secretário informou que para intervir na realidade de extrema pobreza e insegurança alimentar e nutricional nos municípios de menor IDH, o governo do Maranhão, por meio da SAF e suas vinculadas (Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural- AGERP e Instituto de colonização e Terras do maranhão – ITERMA) promovem ações de incentivo à produção de alimentos direcionada aos agricultores familiares, por meio de implantação de projetos produtivos denominados de Sistema Integrado de Tecnologias Sociais – SISTECS. 

A finalidade do SISTECS é proporcionar condições de produção para agricultores familiares em situação de extrema pobreza, com vistas a elevar a segurança alimentar e nutricional dessa população e estimular a comercialização do excedente da produção.

Atualmente já são mais de 3 mil famílias de agricultores familiares beneficiados com assistência técnica e extensão rural distribuídos nos 30 municípios com menor IDH, com implantação de tanques para criação de peixe, aviários, quintais produtivos e criação de pequenos animais, considerando sistemas de produção adequados à realidade local. Além da assistência técnica, o Governo Flávio Dino, atua e avança na saúde, infraestrutura, educação e cidadania.

O Plano Mais IDH é um audacioso instrumento de transformação da população rural do Maranhão, esquecida por muito tempo. Com assistência técnica, o povo produz mais e avança para conquistar segurança alimentar. Nosso objetivo é tornar visíveis os invisíveis devolvendo dignidade e qualidade de vida ao agricultor familiar de nosso Estado, enfatizou Adelmo Soares.

Durante o evento, o Representante do Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) no Brasil, Hernán Chiriboga, destacou a importância deste espaço para o compartilhamento de boas práticas de desenvolvimento rural: “Devemos aproximar a cooperação técnica dos tomadores de decisão, e compartilhar as experiências inovadoras com diferentes regiões do Brasil e com outros países para que cheguem ao meio rural”, declarou.

A economista Tânia Bacelar, professora e pesquisadora da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), tratou do tema “Desenvolvimento sustentável: desafios, estratégias e políticas territoriais” e destacou a importância da agricultura familiar no contexto econômico e político país. “Nós temos a agricultura familiar, que produz um bem raríssimo no século 21: comida. E sabemos que a comida que vai para a mesa dos brasileiros é produzida pela agricultura familiar”, pontuou Tânia.

O evento foi promovido pelo Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) em parceria com o Fórum Permanente de Desenvolvimento Rural Sustentável (Fórum DRS) e a Secretaria de Desenvolvimento Agrário do Ceará (SDA/CE), por meio dos projetos São José III e Paulo Freire. Apoiam a iniciativa o Fundo Internacional para o Desenvolvimento Agrícola (FIDA); governo do Ceará; Instituto Agropolos; Banco Mundial; Secretaria de Desenvolvimento Rural da Bahia; Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR); e Fundação Luís Eduardo Magalhães.

--




Assessoria de Comunicação e Eventos - Ascom 
Secretaria de Estado da Agricultura Familiar (SAF)
Contato: +55 98 9182-3778

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages