TIMBIRAS CONTA COM OS SERVIÇOS DA RAD IMAGEM E DA ALIANÇA FIBRA

quarta-feira, 8 de junho de 2022

POR QUAL MOTIVO NÃO SE DEVE VOTAR NA CHAPA 01 ?

Senhoras e senhores trabalhadores da educação

Às vezes é necessário mostrar o óbvio. O perigo está em nosso meio, vive dentro da APEMT a muito tempo, 4 ano e 11 meses. O perigo da destruição da autonomia e independência como alegado por um professor, não vem da prefeitura, mas de nós mesmos, do nosso atual diretor do SINPROESEMMA, ele é o maior perigo.

A ATUAL GESTÃO DA APEMT, está desde 07 de julho de 2017 até hoje, 06 de junho de 2022. São, 4 anos e 11 meses no comando dessa Associação/ Sinproesemma. É a gestão que esteve/ está por mais tempo na história da APEMT, sendo a que nada fez e a que mais recebeu dinheiro.

NÃO precisa ter 25 anos de experiência na docência, para mostrar a importância de um sindicato na sociedade, como diz por aí o referido professor. Não. Não se trata disso. 

Basta não ser cego para ver o que o atual diretor, fez, deixou de fazer pela entidade e anda fazendo.  Que por isso, não deveria sequer está concorrendo.

Tivemos gestão, por exemplo, que menos tempo esteve lá, menos de um ano, mas que, prestou contas, comprou terreno, construiu muro, comprou equipamentos para o campo, deixando dinheiro em caixa, etc.

Quando sócios tentam uma data para lazer, não encontram. Geralmente estando alugado o prédio.

Sócios, quando vão para o lazer no campo, não encontram bolas e nem responsável para organizar a atividade.

Quando tentam usar piscinas, nem se fala.

QUAL É O PROBLEMA da gestão atual e que quer continuar, como chapa 1? Não tem um, mas muitos problemas.  E todos criados pela gestão atual, pela sua incompetência. Ou seja, o problema que ameaça a autonomia, as lutas, etc., não está fora da entidade, mas está lá dentro, a 4 anos e 11 meses, mora lá. E quer continuar, dizendo que o problema está no Prefeito. Não. O problema está em nós. Nós é que temos uma gestão no APEMT/SINPROESEMMA, RUIM, PÉSSIMA. O prefeito administra o município e não o SINPROESEMMA. Quem coloca em perigo a autonomia e independência do SINPROESEMMA, é o atual diretor do núcleo municipal. Ele, juntamente com alguns aliados, está tentando tirar o foco da discussão e colocando a culpa noutra pessoa. Simples assim.

Um dos problemas, é que a atual diretoria deixou de prestar contas de mais de 350 MIL REAIS, fora o dinheiro dos contratos de eventos que lá teve. Até agora não sabemos do paradeiro desse recurso. Pois, não teve prestação de contas. Não adianta zanga, se zangar, vai ter que mostrar essa prestação. Simples assim.

Desafiamos um trabalhador da educação ou mesmo o gestão atual, a mostrar a prestação de contas.

Veja os gastos da APEMT/ SINPROESEMMA

. Energia

. Dois funcionários, que recebem menos de 800 reais juntos.

. Manutenção da piscina

. Pagamento de assinatura de TV

A atual gestão, está tentando de tudo, através de mentiras, chancelada por um professor que se autointitula “embaixador” dos trabalhadores da educação, escrevendo bobagens por aí, sobre autonomia, lutas, etc., tentando proteger a chapa 1. Sendo que, nesse tempo de 4 anos e 11 meses, o SINPROESEMMA teve autonomia e independência para fazer o que bem quis. Deitou e rolou, como se diz por aí. E o tal “Embaixador”, nesses 4 anos e 11 meses, estava onde? Isso não é incoerência dele? Achamos que ele não se importa com incoerência.

A Chapa 1, diz que seu voto tem poder, para quê?

Para não prestar contas de mais de 350 mil reais? Para ver o atual diretor de núcleo, usar o cargo, espaço da Apemt para fazer campanhas políticas, ser o organizador da campanha do João dos Plástico? Para não dialogar com a prefeitura? Negar materiais esportivos aos sócios? Deixar a organização do campo na mão de não sócios? 

Ora! como é que o “Embaixador” (que tem 25 anos de experiência, como ele diz), sabe de toda essa irresponsabilidade, das mazelas da atual gestão e ainda fica pedindo voto, dizendo que o sindicato deve ter autonomia e independência?

Em que momento, o prefeito, prejudicou ou tentou prejudicar os trabalhadores da educação?

Qual foi o prejuízo que o prefeito deu para APEMT/ SINPROESEMMA?

E por que estão atacando o Prefeito?

Achamos que, para resumir, está bem claro que, nosso inimigo, nosso problema maior, quem ameaça a autonomia e independência nesse momento, inclusive a destruição do sindicato, não está fora da APEMT, mas está lá dentro a mais de 4 anos e 11 meses e que já recebeu mais de 350 mil reais nesse período.

Então amigos, lhes convido para refletir sobre o que está em jogo de fato!

TEXTO enviado pela CHAPA 02.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.