MERCEARIA SILVA

MERCEARIA SILVA
PUBLICIDADE

OIFEODONTO 1 ANO

OIFEODONTO 1 ANO
CHOPERIA RAMON TUDO DE BOM

sexta-feira, 8 de julho de 2016

CEQFAAM – Governo do Maranhão reinaugura neste sábado a escola em Santo Antônio dos Pretos



Com a meta de garantir que todas as escolas do estado tenham estrutura física adequada e confortável para desenvolver as atividades pedagógicas e de aprendizagem, o Centro Quilombola de Formação por Alternância Ana Moreira (CEQFAAM), que fica localizado na Comunidade de Santo Antônio dos Pretos, a 45 quilômetros do centro de Codó, será entregue a comunidade codoense a partir das 15h deste sábado (09), totalmente reconstruída. A instituição de ensino é a primeira das escolas estaduais de Codó a passar por reforma no governo Flavio Dino.

Após receber investimentos na ordem de R$ 841.961,78, a escola passa a ter uma estrutura digna para facilitar o processo ensino/aprendizagem no município. O vereador Pedro Belo fez lembrou das dificuldades enfrentadas pelos estudantes do CEQFAAM, e fez questão de parabenizar o governador Flávio Dino pela conclusão da obra.

“A reforma do CEQFAAM sempre foi um dos objetivos do governador Flavio Dino, ele sempre soube da necessidade de que isso acontecesse, e das dificuldades que os alunos desta instituição passaram nos últimos anos, inclusive todas as vezes que estávamos em São Luís cobrávamos dele urgência no início das obras, e sempre muito prestativo com nossa pessoa, nos pedia calma e afirmava que o recurso estava por vir, e como o governador trabalha dentro de um cronograma, o recurso veio como ele prometeu, estamos felizes porque exatamente a escola que mais precisava será a primeira que vai ser entregue totalmente reformada para a comunidade codoense”, concluiu Pedro Belo.


Os serviços realizados pelo Governo do Maranhão nas escolas maranhenses garantem novas estruturas com: telhados recuperados, pisos, instalações hidráulicas e elétricas renovadas, pintura das paredes, limpeza dos pisos, instalações de ar condicionados na sala de aula, instalação de novos quadros, paredes rebocadas e pintadas, reforma de banheiros, troca de portas, troca de luminárias, adequação da escola para deficientes, instalação da subestação de energia elétrica, adequação dos espaços de lazer, e, em algumas unidades escolares, reforma das quadras.

Além de contemplar toda a área onde está localizada a instituição de ensino, o projeto também contempla a construção de uma moderna sala de informática, e construção de uma subestação de energia para que todo o prédio seja climatizado.

“Foram seis anos de luta e espera. Por causa da falta de estrutura víamos alunos e professores desmotivados. A reconstrução da escola nos devolveu a autoestima e sentimos que agora vamos poder cuidar melhor dos nossos estudantes”, relatou a diretora da escola.

ASCOM / Por Marco Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages